Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Chave Mestra

Chave Mestra

José Fialho Gouveia e Diário de Notícias mentem-nos e escondem-nos informação para nos fazer acreditar que Obama não está a interferir com o governo de Trump

José Fialho Gouveia e Diário de Notícias mentem

 

O "jornalista" José Fialho Gouveia, no seu artigo de manipulação da percepção dos portugueses sobre os acontecimentos no mundo de dia 18 de Agosto "À distância, Obama morde os calcanhares de Trump", tenta de novo elevar o ex-presidente americano Barack Obama e denegrir a imagem do presidente Donald Trump recorrendo a informação selectiva, manipulada, e até a mentiras.

 

O "jornalista" José Fialho Gouveia não refere que documentos públicos do tribunal FISA provam que a administração de Obama fez escutas a Trump e a milhares de outros cidadãos americanos sem antes ter obtido um mandato.

 

O "jornalista" José Fialho Gouveia não refere que Obama se encontra ainda em Washington D.C. (algo sem precedentes para um ex-presidente americano) num "quartel-general" a organizar oposição a Donald Trump através de grupos como Organizing For Action.

 

O "jornalista" José Fialho Gouveia não refere que dentro da Casa Branca ainda se encontram inúmeras pessoas nomeadas por e leais a Obama, que continuamente se envolvem em sabotagem da presidência de Donald Trump, seja encobrindo crimes do círculo de Obama e dos Clinton, seja libertando informação falsa para denegrir a imagem do presidente Donald Trump.

 

O "jornalista" José Fialho Gouveia recorre a declarações de terceiros para dizer que em Charlottesville os supremacistas brancos e neo-nazis foram confrontados por grupos que se opõem ao racismo e fanatismo:

 

"Um lado é racista e nazi. O outro opõe-se ao racismo e ao fanatismo."

 

Isto é uma clara mentira por parte do "jornalista" José Fialho Gouveia. Os grupos que se opuseram aos supremacistas brancos e neo-nazis, e que em grande parte iniciaram a violência, foram os grupos terroristas ANTIFA e Black Lives Matter.

 

ANTIFA é um grupo terrorista comunista que comete e incentiva violência contra qualquer apoiante de Trump, promove e comete destruição de propriedade alheia, e considera o "homem branco" e o capitalismo responsáveis por todos os males no mundo.

 

Black Lives Matter é um grupo terrorista racista que comete e incentiva o homicídio indiscriminado de polícias, comete e incentiva violência contra qualquer apoiante de Trump, e considera o "homem branco" responsável por todos os males no mundo.